Veja quais formas de pagamento é possível aceitar, comercializando na internet!

Um comércio eletrônico é o melhor caminho, atualmente, para criar a visibilidade de uma marca, alcançar a maior quantidade possível de clientes, vender com mais eficiência e rapidez e fidelizar por muito mais tempo.

Nenhuma empresa – até mesmo as pequenas ou individuais – podem abrir mão de estar na rede e ser visto junto com seus concorrentes. Porém, do outro lado da tela, milhões de pessoas tem o mesmo dilema: como pagar pelas suas vendas?

Veja quais formas de pagamento é possível aceitar, comercializando na internet.

Formas de pagamento: um desafio para o E-commerce!

Na construção de um site ou portal de comércio, as formas de pagamento são um item que merece uma atenção especial, pela diversidade de interesses entre tantos consumidores e por um fato adicional que não temos no comércio presencial: vender para pessoas de todo o mundo.

Portanto, precisamos ter um cardápio abrangente de opções e ao mesmo tempo avaliar os custos envolvidos e a complexidade tecnológica para disponibilizar as escolhas feitas

Ainda existe muita desconfiança de pessoas com o trânsito de dados e senhas pela internet, e ao mesmo tempo as empresas de segurança criam soluções melhores e mais pessoas passam a confiar nos pagamentos online.

Pagar na Internet: Cartões de Crédito

Esta é a forma mais usada em todo o mundo, pela sua praticidade e rapidez, e certamente é a que devemos investir obrigatoriamente, pela abrangência e pela comodidade.

Um ponto de atenção é quanto aos prazos de recebimento e as taxas, pois vão impactar no seu fluxo de caixa e nos lucros. Alguns fatores são importantes para diferenciar-se neste meio de pagamento:

  1. Usar o arquivamento dos dados dos cartões para que o cliente possa usar com mais rapidez;
  2. Investir em segurança de alto nível.

Pagar na Internet: Cartões de Débito

Este á uma forma bastante atraente, pois ao contrário dos cartões de crédito, o recebimento do valor é imediato e o cliente não poderá estornar o débito posteriormente.

E estas vantagens têm um preço: o custo de associação aos bancos costuma ser alto. Então é importante avaliar se o seu negócio realmente precisa de uma liquidez imediata (fluxo de caixa).

Pagar na Internet: Cheques

Os cheques parecem ter uma cara de passado, mas ainda são uma forma de pagamento bastante usada no Brasil, principalmente entre pessoas que não têm cartões de crédito, por questões de renda ou restrições.

Porém, exige cuidados especiais: ter cadastro prévio do cliente, usar sites de pesquisas de dados financeiros e o cuidado com o preenchimento. Existem empresas especializadas que podem te ajudar a lidar com ele. Entenda, por exemplo, o que fazer caso um cliente seu tenha o cheque devolvido motivo 22 (divergência de assinatura).

Pagar na Internet: Boletos Bancários

Esta é outra forma de pagamento que parece antiga para os tempos digitais. Porém, ainda são uma opção interessante – e para o seu negócio também.

Você pode dar um desconto para pagamento com boletos e o prazo de recebimento é menor que os cartões de crédito. Um risco neste tipo de pagamento é a desistência do cliente. Mas pode ser uma forma de recebimento importante para quem não gosta de usar dados de cartão ou de conta pela internet.

Pagar na Internet: Intermediadores de Pagamento

Um intermediador de pagamentos é uma ótima solução para facilitar a operação da loja e a decisão de pagamento dos clientes. É uma plataforma que integra a loja virtual com diversas opções de pagamento.

Quando o cliente fecha a compra, ele é direcionado para a plataforma do intermediador para fazer a escolha do método de pagamento e confirmar. A plataforma recebe a confirmação de pagamento e direciona à loja.

É um sistema que evita diversos contratos com administradores de cartões e bancos, com seus sistemas e taxas diversos. Um cuidado importante é comparar o custo deste serviço com os das diferentes formas de pagamento que são interessantes ao negócio.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *