Três principais tendências no E-Commerce de Logística

Com o aumento da popularidade de e-shops e empresas de entrega, o negócio de e-commerce de Logística continua crescendo.

Enfrenta desafios cada vez maiores, pois os clientes precisam que as empresas sejam rápidas e aumentem seu desempenho logístico mais do que nunca. O que isso significa para o seu negócio?

Esse fato explica por que entender e seguir as principais tendências no comércio eletrônico de logística é crucial para as organizações que desejam economizar seu espaço na cadeia de suprimentos e obter melhores resultados com menos esforço.

Agora o mercado oferece o transporte rápido, alta qualidade e confiabilidade. Para fazer isso da maneira certa, as empresas precisam aumentar a velocidade de entrega e a qualidade de seus serviços ou, caso contrário, não poderão competir com outras empresas.

No entanto, não há motivos para pânico ainda.

Por outro lado, existem muitas ferramentas e tecnologias que ajudam as empresas no setor de logística e permitem que elas organizem bem seus negócios para obter os resultados necessários e continuar rolando no mercado competitivo.

Digitalização e automação para fornecedores de logística de comércio eletrônico

As pessoas continuam falando que cada empresa que deseja vencer no mundo competitivo deve ter acesso digital e usar automação.

No entanto, nem tudo é tão simples assim! Não basta apenas comprar um PC para a mesa de cada funcionário, fornecer rastreamento de pacotes, estender a funcionalidade do site corporativo e instalar software corporativo que calculará os dados com mais rapidez.

Mais e mais novas tecnologias estão sendo inventadas todos os dias, então a empresa precisa obtê-las antes de seus concorrentes e seguir as últimas tendências em logística eletrônica.

Há também uma oportunidade para usar tecnologias de Big Data. Existem mais e mais soluções nessa área, o que significa que as empresas podem aplicá-las para tornar seus serviços ainda mais rápidos e convenientes.

Com o aumento do número de mercadorias entregues, torna-se mais difícil reunir os dados necessários e analisá-los em tempo real. No entanto, existe uma solução simples.

Usando o Big Data, as empresas podem resolver esses problemas e gerenciar uma quantidade muito maior de dados do que estão gerenciando agora.

Hoje, podemos observar as seguintes tendências digitais para e-commerce e logística:

  • Diminuição do uso de dinheiro e carteiras, suporte a métodos de pagamento digital mais convenientes, como dispositivos móveis;
  • Prever o comportamento do mercado usando um software especial;
  • Usando banco de dados de clientes e software especial para entender o que eles querem de você;
  • Integração móvel, usando o poder de dispositivos de tela pequena;
  • A automação do processo de entrega em todos os pontos onde é possível.

Os gerentes também devem manter suas equipes bem-educadas. Se qualquer tecnologia for implementada na empresa, seus funcionários precisam entender o que ela é e como ela pode ser usada para fazer bem o trabalho.

Drones voadores e outras soluções de E-commerce de Logística incomum

Mais cedo, a Amazon anunciou que vai usar drones para a entrega de mercadorias.

Há também muitas previsões sobre o papel do transporte autônomo na entrega. Se a Uber vai usar esses veículos para fornecer serviços de táxi, seria relevante usá-los para entrega também.

É claro que a indústria de logística automatizada baseada no uso de drones e carros ainda não está implementada, mas algumas grandes empresas continuam falando sobre isso. É possível que as tecnologias de logística sigam esse caminho muito em breve.

 

Isso não significa que toda empresa de logística precisa comprar drones de entrega e investir em carros autônomos – isso significa que as empresas continuarão buscando métodos de entrega incomuns e é melhor seguir essas tendências à medida que elas crescem antes que essas ideias sejam implementadas.

Personalização e colaboração com os clientes

As tecnologias de personalização são muito comuns no e-commerce por enquanto porque cada cliente gosta de se sentir especial e obter ofertas interessantes. Com o tempo, o papel de uma abordagem pessoal para cada cliente torna-se ainda maior.

As empresas também devem melhorar sua comunicação com os clientes. Existem pelo menos algumas maneiras de fazer isso:

  • Uso de chatbots em sites e aplicativos que ajudam os clientes a obter as informações necessárias e resolver seus problemas antes que as pessoas da equipe de suporte o façam;
  • Abordagem pessoal para cada cliente, newsfeed personalizado e ofertas;
  • Suporte 24 horas completo que ajuda os clientes a resolver seus problemas rapidamente e obter informações de que precisam; mesmo que você tenha o melhor serviço de redação no Reino Unido ou o e-shop mais popular, sem um bom suporte ao cliente, seu cliente começará a procurar outras empresas;
  • Entrega no mesmo dia e flexibilidade do processo logístico para atender às necessidades dos clientes;
  • Recompensas para os clientes para mantê-los fiéis.

A outra tendência é mudar o conceito da Black Friday.

Muitas empresas de varejo e comércio eletrônico vão transformar a Black Friday no Black November, prolongando esse período até as vendas de Natal, o que traria a eles resultados muito melhores do que os tradicionais acordos caóticos de fim de semana.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *